Syringe
“Ou vencemos a pandemia globalmente, ou não venceremos”
Dr. Gerd Müller,
Ministro Federal do Desenvolvimento da Alemanha
- iniciativa -

O que é a iniciativa COVAX-ACESS?

O que nos motivou?

Durante meses tem sido discutido de maneira crítica como conseguir um acesso justo e igualitário às vacinas. Provavelmente houveram deficiências organizacionais, possíveis interesses egoístas, omissão de responsabilidades, amplos processos burocráticos, etc.

É verdade que há muito o que se criticar e pouco a elogiar. Muitos estão esperando pela solução: a vacina.

Em todas essas discussões o verdadeiro objetivo não está em foco: o fim da pandemia. “Ou vencemos a pandemia globalmente, ou não venceremos”, disse o Dr. Gerd Müller, Ministro Federal do Desenvolvimento da Alemanha.

É um grande erro não levar em conta os países mais pobres quando falamos de vacinação, pois assim permanecemos expostos de maneira permanente a novas mutações.

- Metas -

Quais são nossos objetivos

A OMS (Organização Mundial da Saúde) fundou em parceria com outras organizações internacionais, a iniciativa COVAX, que tem como objetivo arrecadar fundos para a vacinação contra o coronavírus nos países mais pobres do mundo.

A COVAX contratou a Unicef, uma organização mundial com ampla experiência em vacinação para realizar a execução da campanha. O objetivo da iniciativa COVAX em 2021 é vacinar ao menos 20% das pessoas no mundo, tendo como foco médicos e idosos. Acreditamos que esse objetivo seja demasiadamente baixo para conter a pandemia com sucesso.

Nosso primeiro objetivo: Exigimos a igualdade de acesso às vacinas para os países mais pobres e queremos chamar a atenção mundial com essa iniciativa.

A iniciativa COVAX está subfinanciada mesmo para seu próprio objetivo. Apesar do retorno dos Estados Unidos à OMS e dos compromissos iniciais de financiamento de alguns governos de países ricos, ainda há uma enorme lacuna no montante de doações. Individualmente, não podemos solucionar essa lacuna, porém podemos contribuir para que haja mais vacinas. Cada uma de nossas doações serve também como como estímulo para que os governos aumentem suas respectivas verbas destinadas à vacinação.

Atualmente os políticos não tem condições de defender e implementar o acesso às vacinas com um financiamento adequado - a escassez é um empecilho.

Nosso segundo objetivo: Arrecadar fundos, possibilitando mais vacinas, usar nossa influência e exigir um financiamento adequado para vacinas.

Como obter as doses que faltam?

O “gargalo” na produção de vacinas deve ser aberto durante a pandemia.

  • Temos que superar as fronteiras ideológicas para que sejam utilizadas vacinas de qualquer origem, desde que sejam seguras e eficazes: Por exemplo a Sputnik, Sinovac, etc. A fábrica de Illertissen, na Alemanha, está pronta para produzir a vacina russa Sputnik.
  • O presidente americano Biden, demostrou que em troca do pagamento de bilhões de dólares, poderia haver a abertura de novas licenças e consequentemente um aumento significativo na produção de vacinas.
  • A francesa Sanofi tentou desenvolver sua própria vacina, porém após a falta de êxito, conseguiu licença para produzir a vacina da Biontech.
  • Certa vez, Mandela quebrou a lei de patentes para combater o HVI e produziu a vacina na Índia. Como resultado, os custos do tratamento foram reduzidos em 99%.

Nosso terceiro objetivo: Abrir temporariamente os direitos de patente, em troca de um pagamento justo e generoso aos desenvolvedores das vacinas*, aproveitando a capacidade global de produção.
*Já que foram eles que abriram as portas para a saída da crise

Quem vai pagar por tudo isso?

O que é preciso é a determinação dos políticos, mesmo diante dos interesses materiais da indústria farmacêutica.
O vencedor do Nobel de Economia, Alvin Roth, considera a remuneração dos pesquisadores que desenvolveram as vacinas como o esforço financeiro muito menor em comparação aos danos acumulados pela doença.
Essa é também a opinião da OMC (Organização Mundial do Comércio), Médicos Sem Fronteiras e alguns políticos como Macron, Merkle, Von der Leyen, que inicialmente se mostravam tão entusiasmados e agora raramente se manifestam.
Como cidadãos, também devemos dar o exemplo dando uma contribuição.

Nós mesmos devemos assumir nossa responsabilidade!

Alt Text
- Ajude -

Como você pode ajudar?

Necessitamos do seu apoio!




Compartilhe as informações sobre a COVAX-ACCESS com seus contatos e ajude a disseminar essa ideia.

Ficaremos felizes em fornecer-lhes material, como panfletos e cartazes de divulgação, que podem ser distribuídos em:
+ Postos de vacinação
+ Farmácias
+ Consultórios médicos
Outros lugares com alto tráfego de pessoas
Alt Text

Sua doação será destinada à campanha de vacinação contra o Coronavírus da Unicef.

Até mesmo uma doação de 5 euros já é um voto a favor da iniciativa.
Doe de forma rápida e fácil usando o formulário de doação da Unicef, sendo possível acompanhar o progresso do montante de doações e o status da campanha. Os recibos estão disponíveis para doações a partir de 25 euros.

Todo o dinheiro arrecadado será destinado à COVAX. Despesas adicionais com publicidade, etc., serão financiadas exclusivamente pelos promotores da campanha.

Ou realize sua doação por transferência bancária para:
Bank für Sozialwirtschaft Köln IBAN DE57 3702 0500 0000 3000 00 BIC BFSWDE33XXX
Por favor, especifique como propósito Covax-Access.